Caixa: carteira imobiliária vai a R$ 421,4 bilhões, alta de 7% em 12 meses

29 de setembro de 2017

A Caixa apresenta, junto com seu informe de resultados do primeiro semestre deste ano, o dado da carteira de crédito imobiliário, que atingiu R$ 421,4 bilhões, o que representa um crescimento de 7% sobre o mesmo período de 2016.

De acordo com a nota à imprensa, os créditos concedidos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) representam R$ 221,9 bilhões, enquanto as operações de crédito com recursos da Caixa, SBPE, foram de R$ 199,5 bilhões. “A Caixa ganhou 1,3 p.p. de participação no mercado imobiliário, mantendo a liderança com 68,1% de participação.”

A carteira de saneamento e infraestrutura chegou a um saldo de R$ 79,9 bilhões em junho, 5,3% maior.

No período, a arrecadação do FGTS ficou em R$ 62,1 bilhões e os saques atingiram R$ 108,2 bilhões, incluindo de contas inativas. Em junho de 2017, o Fundo era composto por 119,5 milhões de contas.

Já em poupança, o saldo das captações foi de R$ 1 trilhão no primeiro semestre, 8,8% maior em 12 meses. “A evolução no saldo foi influenciada, principalmente, pelos acréscimos de 19,4% em depósitos a prazo, 13,9% nos depósitos à vista e 9% nos depósitos de poupança”, diz a Caixa.

Benefícios

No quesito benefícios sociais, até junho de 2017 a quantidade foi de 78,5 milhões, ou R$ 14,2 bilhões. O Bolsa Família pagou cerca de 75,5 milhões de benefícios no período, ou R$ 13,7 bilhões.

Ao trabalhador foram 196 milhões de pagamentos de benefícios, ou R$ 176,6 bilhões, dos quais R$ 27,8 bilhões para Seguro-Desemprego, Abono Salarial e PIS. Ainda o banco informa que realizou 33,7 milhões de pagamentos de aposentadorias e pensões aos beneficiários do INSS, de R$ 40,7 bilhões.

Por fim, a Caixa diz que conta com 84,1 milhões de correntistas e poupadores, sendo 82,1 milhões de pessoas físicas e 2 milhões de pessoas jurídicas. Para atendimento, possui 58,3 mil pontos, dos quais 4,2 mil agências e postos de atendimento, 23,5 mil correspondentes Caixa Aqui e lotéricos, e 30,5 mil máquinas.

Fonte:ISTOÉ DINHEIRO



O Residencial Reali Fiori, em Campos do Jordão, é o investimento certo para você!

Não deixe de conhecer nosso empreendimento! Apartamentos de 63 m², 2 dormitórios e preços a partir de R$ 190.000,00, com condições facilitadas.

Saiba mais clicando aqui